26 de junho, 2019

Agente da Transformação Social e Difusor do Conhecimento Científico

Alerta máximo para o tráfico de marfim na África
Fotografia: Reuters / Thomas Mukoya

Alerta máximo para o tráfico de marfim na África

Um membro da tribo Maasai ao lado de pilhas de marfim que foram queimadas no parque nacional de Nairobi.

Essa foi a quarta vez que chifres de marfim foram queimados no Quênia, desde 1989. Por isso, muitos críticos dizem que a ação tenha sido apenas publicidade para a campanha, já que o comércio ilegal de marfim continua ocorrendo no país. Ao longo dos últimos 25 anos, um total de 160 toneladas de marfim foram queimados até hoje, além do fato dos elefantes africanos estarem em vias de extinção em menos de uma década.

Foto: Thomas Mukoya / Reuters

CC BY 4.0 Alerta máximo para o tráfico de marfim na África by Jornalismo Colaborativo is licensed under a Creative Commons Attribution 4.0 International License.

Sobre o Autor

Jornalismo Colaborativo

Principal site de Jornalismo Colaborativo, destaque no Intercom – Sociedade Brasileira de Estudos Interdisciplinares da Comunicação XXIII / Prêmio Expocom 2016 e referência em startups de jornalismo na 300ª edição da Revista Imprensa em 2014.

OUTRAS PUBLICAÇÕES

Este site possui segurança certificada SiteLock

SiteLock