21 de abril, 2019

Agente da Transformação Social e Difusor do Conhecimento Científico

O legado de Içami Tiba

Içami Tiba

Em agosto deste ano perdemos Içami Tiba. Médico, psiquiatra, colunista, escritor, educador e acima de tudo um visionário, faleceu aos 74 anos em São Paulo. Filho de imigrantes japoneses que chegaram no Brasil na região de Tapiraí (São Paulo), após enfrentar grandes dificuldades em seu país de origem devido a consecutivas guerras. Içami formou-se em medicina após presenciar o atendimento de um médico da região aos seus familiares. Após completar a graduação em 1968 na Universidade de São Paulo, especializou-se em psiquiatria pelo Hospital de Clínicas, onde também foi professor.

Içami Tiba deixou um importante legado para pais, psicólogos, médicos e educadores. Para entender melhor a importância deste grande homem, conversamos com Eduardo Santos, do Instituto Luminis, de ensino a distância: “ Ele era uma figura extraordinária que acreditava no poder da educação e do papel fundamental da família para a construção do conhecimento”.

Içami desenvolveu um significativo trabalho na área de psicoterapia para adolescentes e suas famílias, chegando a atender, segundo dados de seu portal, mais de 80 mil adolescentes. E nesta área desenvolveu a Teoria da Integração Relacional , que aponta que o sucesso de um grupo depende do bom relacionamento entre seus os integrantes, aplicado a todos os setores da vida, inclusive no núcleo familiar.

Publicou mais de 30 livros, dentre eles o best seller “Quem ama educa” e seus livros já chegaram a mais de 4 milhões de exemplares vendidos e foi um dos autores mais lidos no ano de 2003. Içami manteve por muitos anos uma coluna sobre educação no Jornal da Tarde de São Paulo e nas revistas Viva e Pais & Filhos. Na televisão apresentou o quadro “Quem ama educa” na Rede Vida de Televisão e mantinha uma coluna quinzenal no portal UOL.

Há mais de três décadas Içami Tiba dedicou-se a ajudar adolescentes e suas famílias a trabalhar melhor seus relacionamentos interpessoais e mostrou a todos como isto afeta diretamente o processo educacional. Segundo Içami, a maioria dos problemas que os jovens enfrentam hoje estão enraizados no comportamento de pais que agem como adolescentes, fenômeno que ele denominou “adultescência”.

Independente de se trabalhar na área de educação, é importante conhecer a vida e obra de Içami Tiba. “ Adquirir conhecimento e estudar é o melhor investimento que uma pessoa pode fazer e nem sempre é fácil, ainda mais para quem opta pelo ensino à distância . Por isso devemos valorizar pessoas que lutaram pela melhoria e fortalecimento do ensino”, finaliza Eduardo.

CC BY 4.0 O legado de Içami Tiba by Andrielle Bressane is licensed under a Creative Commons Attribution 4.0 International License.

Sobre o Autor

Andrielle Bressane

Jornalista engajada na área digital com especialidade em marketing de conteúdo. Amo escrever sobre tudo...

OUTRAS PUBLICAÇÕES

Este site possui segurança certificada SiteLock

SiteLock