20 de Janeiro, 2018


Especial Religião – Quaker

O movimento quacre desenvolveu-se na Inglaterra, no Século XVII. Atualmente, a maioria de seus seguidores vive nos E.U.A. O fato do primeiro líder religioso dizer aos fiéis para tremerem diante de Deus gerou o nome Quakers (tremedores). Com a inexistência de sacramentos, os Quakers permanecem em silêncio nos cultos, aguardando uma iluminação proveniente do Espírito Santo a respeito do que dizer.

Nesta religião há a crença na possibilidade de uma comunicação direta com Deus. George Fox foi o fundador desta organização religiosa, na Inglaterra do século XVII. Sua experiência levou-o a testemunhar o que chamou de luz interior de Cristo e que está nos corações das pessoas comuns. Aqueles que seguem essa luz interior são considerados verdadeiramente espirituais e seguidores da vontade de Deus. Fox começou a pregar em 1647 e atraiu numerosos seguidores durante o período de revolução social e política  na Inglaterra. Há importantes grupos quacres na Inglaterra e no Quênia e grupos menores em outras partes do mundo. Os quacres tornaram-se conhecidos por suas atividades humanitárias. Rejeitam a guerra e enfatizam a educação pacifista.

Foram pioneiros na remoção de barreiras para a igualdade racial e encontram-se entre os líderes dos movimentos pela reforma das prisões e por um tratamento humano dos pacientes mentais, na América do Norte. Muitos judeus aderiram aos quacres, graças à liberdade religiosa pregada por estes. Em 1682, um quacre, William Penn, fundou a colônia da Pensilvânia, como um refúgio para os quacres ingleses que, devido às perseguições, exercida por puritanos radicais das colônias inglesas, queriam emigrar para o Novo Mundo. Penn deu à colônia uma constituição que foi um modelo para a salvaguarda das liberdades religiosas.

 

Continue lendo:

OUTRAS SEITAS E DOUTRINAS ORIENTAIS
OUTRAS SEITAS E DOUTRINAS OCIDENTAIS

CC BY 4.0 Especial Religião – Quaker by Jornalismo Colaborativo is licensed under a Creative Commons Attribution 4.0 International License.

Sobre o Autor

Jornalismo Colaborativo

Principal site de Jornalismo Colaborativo, destaque no Intercom – Sociedade Brasileira de Estudos Interdisciplinares da Comunicação XXIII / Prêmio Expocom 2016 e referência em startups de jornalismo na 300ª edição da Revista Imprensa em 2014.

OUTRAS PUBLICAÇÕES