Oportunidade na Agência das Nações Unidas (ONU)

onu
0

O Escritório Regional da OIM para a América do Sul convoca para o Prêmio Sul-Americano de Jornalismo: Migração com Foco em Direitos Humanos.

O prêmio visa reconhecer e encorajar o trabalho de jornalistas de mídia de países sul-americanos cujos conteúdos sobre migração são abordados com uma perspectiva de gênero e contribuem, de uma perspectiva de direitos humanos, para uma ou mais das seguintes linhas temáticas:

• Sensibilizar para o acesso aos direitos dos migrantes, incluindo saúde, trabalho, educação, apoio jurídico, entre outros.

• Disseminar informações objetivas sobre as causas, consequências e características dos movimentos migratórios.

• Sensibilizar a população sobre os direitos, necessidades e características da população migrante.

• Enfatizar os impactos positivos da migração nas sociedades de acolhimento nos planos demográfico, trabalhista, econômico, social, cultural, etc.

• Destacar a contribuição social, econômica e cultural dos migrantes nos países de origem e destino.

• Promover climas de convivência social baseados em relações interculturais que tendem a prevenir a xenofobia, o racismo e a discriminação contra os migrantes e suas famílias.

• Incentivar a participação de migrantes em comunidades sociais, produtivas, comunitárias, etc.

• Promover a integração social dos migrantes nas sociedades de acolhimento.

• Sensibilizar sobre a existência de situações de vulnerabilidade que afetam parte da população migrante.

• Sensibilizar para mecanismos de prevenção e proteção sobre os riscos e as consequências da migração irregular.

• Sensibilizar sobre as causas, consequências e características do tráfico de pessoas e / ou contrabando de migrantes.

• Sensibilizar para a necessidade de abordar a situação dos repatriados, particularmente no processo de reintegração social, econômica e trabalhista, etc.

• Sensibilizar para a importância da migração como estratégia de sobrevivência e adaptação, especialmente quando se trata de desastres naturais.

O Prêmio Sul-Americano de Jornalismo Migração com Foco em Direitos Humanos destina-se a jornalistas de meios de comunicação tradicionais e/ou digitais dos seguintes países da região sul-americana: Argentina, Bolívia, Brasil, Chile, Colômbia, Equador, Paraguai, Peru, Uruguai e Venezuela.

Será aceito um (1) trabalho jornalístico por cada jornalista. No caso de postulação de trabalho em equipe, um integrante que atuará como representante deve ser nomeado, tanto no momento do registro quanto no momento da cerimônia de entrega de prêmios para quem se tornar vencedor.

Poderão participar conteúdos jornalísticos nas modalidades de imprensa escrita, rádio e televisão, publicados em plataformas de mídia tradicionais e/ou digitais.

Serão aceitos conteúdos publicados nos gêneros jornalísticos informativo e de investigativo. Não serão aceitos conteúdos acadêmicos ou de opinião.

Os 10 jornalistas vencedores receberão uma estatueta de reconhecimento durante a cerimônia de premiação a ser realizada em Buenos Aires, Argentina, para a qual os vencedores serão convidados. A OIM cobrirá a viagem e a hospedagem dos mesmos.

Além disso, durante a sua permanência em Buenos Aires, os jornalistas vencedores serão convidados a participar de uma capacitação/conversa sobre a cobertura jornalística sobre o tema da migração com uma abordagem de Direitos Humanos.

Fonte: ONUBR

Publicações Sugeridas