Header ad
Header ad
Header ad
É o coração de Paris que sangra

É o coração de Paris que sangra

Os parisienses sentem que há um buraco no coração da cidade que tanto amam. Sentem como se houvessem perdido um ente querido ou como chamam a sua “grande Dama”. Mas não são só eles que choram, todos os amantes das artes, em todos os lugares do mundo, se ressentem desse acontecimento  chocante.

850 anos de história não podem ser apagados!

Notre Dame, obra suntuosa da arquitetura gótica, resistirá com certeza aos anos de restauração. O povo francês mais uma vez se uniu em volta dessa causa tão nobre. Inúmeras doações particulares, já asseguram que algo de concreto será feito para reconstruir esse patrimônio mundial. Atitude muito diferente do povo brasileiro que viveu a pouco tempo uma tragédia parecida, mas que não houve nenhuma iniciativa privada para que se ajudasse a reerguer o mais importante museu da América Latina.

CC BY 4.0 É o coração de Paris que sangra by Eliana de Paula Silva is licensed under a Creative Commons Attribution 4.0 International License.

Mestre em didática e antropologia pela Universidade de Paris VIIJussieu. Dá aulas de disciplinas ligadas às Ciências Sociais, francês e metodologia da pesquisa

SiteLock